6 coisas que ninguém reparou nos filmes ”American Pie”

As aventuras de Jim, Oz, Kevin, Paul Finch e Stifler deixaram muita gente com a barriga doendo de tanto rir, Mas dentre de 8 filmes lançados de ”American Pie”, algumas coisas passaram por seus olhos e você nem deve ter percebido, então nossa redação separou 6 imagens que provavelmente você não havia reparado nos filmes.

1- As histórias dos filmes foram inspiradas no que as pessoas vivem.

Em uma entrevista ao portal G1, de acordo com a atriz que interpreta a personagem do filme Michelle (Alyson Hannigan) para quem acha que o segredo de ”American Pie” seria o fato dos personagens existirem e viverem em conflitos, são historias reais mesmo, que na continuação dos filmes se inspiraram na vidas de pessoas que passam pelas mesmas situações.

Segundo a atriz: ”acredito nessas pessoas, elas vivem em histórias que acontece com todo mundo e simplesmente só levamos essas situações ao extremo, para que de o tom de comédia nos filmes”.

2- Os últimos filmes focam em mostrar mais o amor e não as tramas de adolescentes

O diretor e roteirista do filme ”American Pie – O Reencontro”, chamado Joe, conta que no último filme que ele escreveu foi mais voltado para amor em contar histórias paralelas.

”O que nós sempre gostamos nos filmes de ”American Pie” são as histórias paralelas – queríamos trazer todas de volta. Foi essa a condição que colocamos quando fomos escolhidos para escrever e dirigir o roteiro”. Então ele conta que a intenção desses últimos filme foi mostrar o amor em diferente tipos de relação em todas as histórias.

3- A cena clássica do sexo com a torta

Essa cena foi que marcou muito o personagem que tornou um clássico acontecimento do filme. É pelo Jim (Jason Biggs), o personagem principal do filme, estar nu e protagonizando uma cena estranha, e todo mundo achou que ele estaria morrendo de vergonha de gravar aquela cena. Mas na real a cena foi muito de boa para ele.


Então conseguimos saber o que ele achou. O ator teve que relembrar a cena e fazer uma gravação de nu frontal em ”American Pie – O Reencontro” e conta que não se sentiu nada constrangido ao ter protagonizado uma das cenas que marcou muito o seu personagem no filme.

Ele diz que ”ter que se expor e ser colocado em diversas situações faz parte de sua profissão, sobretudo na comédia. Isto é algo que todos levam a sério no elenco – queríamos conseguir fazer uma coisa que lembrasse a vida do personagem quando adolescente, algo que o público fosse comentar sobre depois”.

4- A trilha sonora

Por mais que em ”American Pie” mostre bem mais as história e besteirol de adolescentes, o filme também conta trilha sonora de bons artistas e suas boas músicas marcantes.

E a produção do filme conseguiu escalar os Sum 41, Foo Fighters, Avril Lavigne, Blue October, The Working Title, músicas de Van Morrison, Blink 182, The Offspring, e entre outros.

5- Já tivemos uma edição sem nudez

De todos os filmes de “American Pie”, entre todos os oitos, temos um filme sem nudez, sem quase nudez ou semi-nuas em imagens, como vimos anteriormente. Estamos dizendo da edição que lançaram em DVD ”American Pie – O Livro Do Amor (2009)”.

Nem o filme e nem a história foram muito interessantes, eles não conseguiram emplacar tanto os fãs, muito por causa da ausência de todas as coisas dos outros filmes, que foram a falta da comédia e cenas que são engraçadas com a semi-nudez dos personagens e protagonistas.

6- A aposta para a mudança de elenco

A história do primeiro filme é irreverente, e a do segundo filme é a história das aventuras dos amigos adolescentes, já o terceiro filme muda um pouco o rumo das histórias dos primeiros, pois mostra o casamento de Jim.

Já em ”American Pie 4 – Tocando a Maior Zona (2005)”, muda por completo o filme. Pois eles reformulam todo o elenco do filme, e temos só o senhor  Levenstein, vulgo pai de Jim, e a história deste filme muda completa, porque começam a focar em o novo Stilfler, Matt (Tad Hilgenbrick), irmão de Steve.